Açores-Brasil
ed. A.A.Bispo

Revista

BRASIL-EUROPA 175

Correspondência Euro-Brasileira©

 

_________________________________________________________________________________________________________________________________


Índice da edição     Índice geral     Portal Brasil-Europa     Academia     Contato     Convite     Impressum     Editor     Atualidades

_________________________________________________________________________________________________________________________________

Acores. Foto A.A.Bispo 2018

Fotos A.A.Bispo 2018©Arquivo A.B.E.

 


N° 175 (2018/5)



Índice

 

Tema em debate

Açores-Brasil nos estudos de processos culturais em relações internacionais. Significado, atualidade e perspectivas. Observações, diálogos e reflexões nas ilhas de São Miguel, São Jorge, Pico e Faial, agosto/setembro de 2018

Aspectos multilaterais

São Miguel

Açores-Brasil nos estudos de Emigração, Imigração e Reimigração. Museologia da emigração nos Açores e a análise de processos em contextos internacionais. Museu da Emigração Açoriana, Ribeira Grande

Aproximações interdisciplinares nos estudos Açores-Brasil: fontes históricas e estudos culturais empíricos - relendo as „Saudades da Terra“ de Gaspar Frutuoso (ca. 1522 - 1591). Igreja Matriz Nossa Senhora da Estrêla, Ribeira Grande. In memoriam Julieta de Andrade

Imagens em narrativas tradicionais e contextos histórico-geográficos: a época dos Templários em romance na personificação dos Açores - de ilha no Tejo a São Miguel e Santa Maria no Atlãntico: o gigante Almourol e sua mulher Cardiga. Igreja Matriz Nossa Senhora da Estrêla, Ribeira Grande. Preparativos à comemoração dos 150 anos de Francisco de Almeida (1869-1934), compositor da obra orquestral Almourol

Esperança como conceito condutor: as Antífonas do Ó  e a expectativa adventícia. De Rorate a Rogate em expressões tradicionais dos Açores em relações com o Brasil. O Franciscanismo em processos culturais: Teresa da Anunciada (1658-1738) Pelos 85 anos do Dr. Armindo Borges, vice-presidente do ISMPS. Convento de Nossa Senhora da Esperança, Ponta Delgada e Museu do Franciscanismo Vivo, Ribeira Grande

História missionária em relações culturais Açores-Brasil. O Barroco e o Mar: Leituras da linguagem visual da  Igreja de Todos os Santos do Colégio de Ponta Delgada - Pe. José de Anchieta (1534-1597) e Pe. Antonio Vieira (1608-1697) Núcleo de Arte Sacra do Museu Carlos Machado, Ponta Delgada

Linguagem visual e instrumentos musicais nos Açores e no Brasil: o anjo violeiro na „Coroação da Virgem“ na Igreja de Todos os Santos do Colégio dos Jesuítas de Ponta Delgada, ilha de São Miguel e os violeiros da terra em altar da matriz do Topo, ilha de São Jorge. Núcleo de Arte Sacra do Museu Carlos Machado, Ponta Delgada, igreja matriz de Topo e Museu de Arte e Etnografia Religiosa, Vela

Os Açores em contextos globais do século XIX - um passado a ser reconsiderado:
o „pomar do Atlântico“ no ciclo das laranjas - vida cultural, paisagismo e turismo em São Miguel em testemunhos de oficiais da Marinha Austríaca -
Furnas, Terra Nostra e Hotel do Colégio, antigo Conservatório de Ponta Delgada

Os Açores na história das relações internacionais anteriores à Primeira Guerra Mundial:
história científico-cultural e a imagem do arquipélago. A expedição antártica de 1911 no seu significado para o Império Alemão: Wilhelm Filchner (1877-1957), Wilhelm Ule (1861-1940) nos Açores e no Brasil e Francisco Afonso Chaves de Melo (1857-1926).
100 anos da Primeira Guerra Mundial. Museu Militar do Forte de São Brás, Ponta Delgada

Faial

Alemanha-Açores-Brasil. As ilhas do Atlântico na literatura geográfica e etnográfica em alemão do século XIX e início do XX. Entre continentes: localizações e referenciações: os Açores como extremo Ocidente da África e/ou da Europa e Fernando de Noronha no Brasil. „Centro Alemão“ - antiga sede da Deutsche Telegraphengesellschaft, Horta, Faial

Os Açores na história das comunicações intercontinentais aéreas no seu significado para estudos culturais - textos e fotos. Leste/Oeste: A travessia transatlântica por hidroavião em 1919
Sul/Norte: o sobrevoar do Zeppelin em viagem de Recife a Nova York em 1930.
Museu da Horta, Faial


São Jorge

Ecce homo - sentidos da imagem, das tradições e dimensões músico-culturais
da veneração do Senhor Santo Cristo dos Milagres nos Açores - a sua presença em São Paulo na primeira metade do século XX relembrada festa da Fajã da Caldeira de Santo Cristo, ilha de São Jorge.
Pelos 85 anos do Dr. Armindo Borges, vice-presidente do ISMPS. Fajã de Santo Cristo.

Pico

Os Açores em processos eclesiásticos globais dos séculos XIX e XX. Necessidade de conservação de fontes e materiais e de consideração do efeito de ações missionárias na vida cultural - a revitalização da Chamarrita no Pico. Igreja de N. Sra. das Candeias, Candelária, Museu Missionário no  Convento Franciscano de Lages do Pico

O „folclore do dia-a-dia“ em conceituação brasileira, o estudo de processos culturais no quotidiano e o fomento do artesanato no Brasil e nos Açores. Escola Regional de Artesanato de Santo Amaro, ilha do Pico

O debate cultural nos Açores na sua atualidade e no seu significado a temática identidade/sustentabilidade discutida no Ano Internacional do Turismo Sustentável/UNESCO (2017), Turismo e Estudos Culturais: a excursão de Dante de Laytano (1908-2000) nos estudos açorianos no Brasil - 60 anos. Museu do Pico, Exposição Interpretativa da Paisagem da Cultura da Vinha

Do local ao global: a ilha do Pico como ponto de partida: o MiratecArts - comunicando através da linguagem artística - liberdade criadora, processo cognitivo, intervenção social e a abertura de perspectivas nos estudos culturais. Visita à Galeria Costa, Mirateca